Como elaborar um plano de manutenção para frota?

Ter um plano de manutenção para frota é essencial para qualquer gestor que deseja que seus motoristas não sofram problemas no trânsito. Afinal, ninguém deseja que os veículos fiquem parados e prejudiquem os objetivos da empresa, não é mesmo? E muitas dessas ocorrências acabam acontecendo por conta desse descuido com a revisão dos automóveis.

Nesse sentido, as empresas que possuem frotas, de caminhões, ou veículos de passeio, ou qualquer outro tipo, acidentes são ainda mais perigosos. Isso porque, os prejuízos em caso de ocorrências de trânsito podem ser catastróficos para as companhias. 

É evidente que pensamos sempre na vida dos condutores e passageiros, quando pensamos em um plano de manutenção. 

Entretanto, é preciso ter a clareza de que acidentes de trânsito acontecem e passar por situações do tipo podem pôr em risco a saúde financeira da sua empresa.

Pensando nisso, a Systemsat preparou um material especial explicando como o seu negócio pode escolher um plano de manutenção para a sua frota, de maneira assertiva.

Afinal, como funciona o plano de manutenção para frota empresarial?

De uma forma bem simples, o plano de manutenção para frota é um registro onde será documentado todas as ações referentes a manutenção de frota. 

Isso significa que, tudo relacionado com a manutenção dos veículos estarão nesse lugar. Entre eles a periodicidade, as peças e materiais usados, quais automóveis, entre outras.

Apesar de parecer simples, é preciso ter muito cuidado com esse documento, já que são muitos detalhes que não podem ficar de fora na manutenção da sua frota.

Além disso, é preciso ter noção que os carros vão se desgastar com seu uso frequente. Nessas horas, é preciso trocar algumas peças antes que elas arrebentem e prejudiquem outras.

Então, se sua empresa deseja cuidar bem dos seus ativos e deixar em segurança os seus profissionais, investir em um plano de manutenção é o mais recomendado.

Contudo, é bom pensar de uma maneira preventiva, assim é possível evitar acidentes por conta de imprevistos e isolar qualquer perda financeira. 

Se desejar, também existe a chamada plano de manutenção corretiva para frota. Ou seja, realizar intervenções de maneira emergencial na sua frota. Porém, essa escolha pode ter um valor mais elevado, além de deixar sua empresa desfalcada de veículos.

A principal diferença entre é plano de manutenção preventiva é que essa modalidade conta com inspeções e intervenções programadas. No caso da corretiva, ela entra em cena, geralmente por falta de revisão ou acidentes.

Como elaborar um plano de manutenção para frota?Como realizar o plano de manutenção para frota?

Agora que você já sabe o que é um plano de manutenção, está na hora de saber como colocar ele em prática na sua empresa.

Faça o levantamento dos dados

Inicialmente, é preciso realizar uma análise detalhada e um levantamento de dados para ter um plano de manutenção excelente. Esse deve ser o primeiro passo quando pensamos em um planejamento da frota. 

Em outras palavras, é preciso entender como está a situação dos veículos e quais são as necessidades de correção.

Apure e levante todas as informações referentes a frota da sua empresa. Nesse caso é preciso se atentar a quilometragem rodada, o tempo de uso do automóvel, quando ocorreu a última manutenção, etc. Também considere o que os motoristas falam sobre os veículos utilizados, já que eles estão em contato diário com o carro.

Os motoristas, aliás, devem comunicar sempre qualquer tipo de falhas detectadas antes que elas se tornem um problema sério.

Tenha um cronograma e histórico do plano de manutenção para frota

É necessário definir um período certo para realizar as manutenções na frota da empresa. Isso deve ser elencado de veículo para veículo e o tempo que ele é utilizado. Portanto, monte um documento para acompanhar quilometragem e horas de uso, de forma separada.

Com isso, é possível criar um bom calendário para a realização de intervenções preventivas, além, é claro, de criar um histórico do que já foi feito. 

Defina o orçamento para investir no plano de manutenção para frota

Como citamos anteriormente, a ação preventiva poupa recursos para a empresa, porém, é preciso de um aporte financeiro para ela ser realizada de maneira correta. 

Neste momento, é preciso ter noção se a empresa dispõe de dinheiro, além de orçar a manutenção em diversas oficinas mecânicas. Isso pode ser realizado com o levantamento de dados que já foi executado. Portanto, tenha uma reserva para o plano de manutenção da frota da sua companhia!

Tenha um plano específico para cada um dos automóveis

É importante criar um plano para cada veículo. Em outras palavras, frotas pesadas, como caminhões, por exemplo, diferem de veículos mais leves, como carros, motos, entre outros.

Use a tecnologia a seu favor ao fazer o plano de manutenção para frota

A tecnologia avança a cada minuto, e no ramo de veículos ela pode ser bastante útil para o seu plano de manutenção. Nesse caso, é bom contar com as soluções digitais para o planejamento da sua empresa. 

Utilize ferramentas que ajudem a criar um sistema automatizado, conforme o segmento da sua atuação e as necessidades de cada um dos veículos da sua frota. 

Nesse sentido, a vantagem está no ganho de produtividade, redução de tempo operacional, além da geração de relatórios precisos.

Monte um checklist com os itens necessários

A boa e velha lista de itens vai ajudar no acompanhamento das ações plano de manutenção para frota. 

Ao fazer o plano de manutenção para frota, liste os principais itens que precisam de revisão nos veículos:

  1. Pneus e rodas;
  2. Itens de segurança;
  3. Condições dos equipamentos e materiais;
  4. Filtros e correias;
  5. Condições do óleo do freio;
  6. Situação do lubrificante do motor;
  7. A limpeza do sistema de arrefecimento;
  8. Estado do sistema elétrico do veículo;
  9. Qualidade das velas e cabos;
  10. Fluido das transmissões e vazamentos do mesmo;
  11. Ajustes necessários para cada veículo.

Coloque em prática o seu plano de manutenção para frota

De nada vai valer todo o trabalho para criar um bom projeto se ele não for executado. Portanto, execute-o quando tudo estiver pronto e acompanhe de perto para ver se todas as manutenções estão ocorrendo de maneira correta.

Este artigo sanou as suas dúvidas em relação ao plano de manutenção de frotas? Então, não deixe de acompanhar o nosso blog para ter acesso a diversos conteúdos sobre gestão de frota, manutenção, rastreamento e muito mais...

Como elaborar um plano de manutenção para frota?